Conversa Ilustrada com Janie Geiser

A Conversa Ilustrada

Além das exibições de filmes na mostra Foco do Olhar de Cinema – Festival Internacional de Cinema de Curitiba deste ano, a artista norte-americana Janie Geiser apresentará uma “Conversa Ilustrada” centrada em uma re-animação de fotografias encontradas em seu filme Mandril, de 2012. Obcecada por desenterrar narrativas possíveis e impossíveis a partir de fotografias de estranhos e geografias desconhecidas, ela nos guia através de uma iluminação forense do espaço entre achados e perdidos. O breve texto abaixo dá uma descrição do evento, uma versão anterior do que ocorreu no FilmFest Dresden em 2016.

“Conversas Ilustradas” fazem parte de uma tradição antiga e moderna de imagens performáticas: contar histórias com fotos. A performance pictórica é a narrativa ancestral de uma infinidade de formas, desde pergaminhos japoneses até cantastoria medieval, shows de medicina, sideshows, “tableaux vivants”, imagens em movimento, PowerPoint e noticiários. A “Conversa Ilustrada” foi particularmente popular no final do século 19 e início do século 20, como uma forma básica de vaudeville e performance itinerante.

A “Conversa Ilustrada” de hoje à noite se concentra em Mandril, que surgiu a partir de um achado em um brechó: um grupo de 8 pequenas fotografias, amarradas com um elástico. Ao examinar as fotos, algumas coisas ficaram aparentes: um grupo de pessoas estavam de pé ou descansando em um campo com árvores distantes. Parecia verão, e as roupas sugeriam a Europa do pós-guerra. Mas quem eram essas pessoas? Por que eles estavam reunidos naquele dia? Por que tantos deles estavam olhando para longe da câmera, no horizonte distante ou além? Quem tirou essas fotos?

Geiser desdobra seu processo para nós, de um experimento, tentativa e erro, descoberta e acaso, enquanto ela tenta desenterrar algo essencial das fotografias. Ela coloca questões sem respostas e sugere um espaço liminar entre representação e abstração, figura e paisagem, ficção e memória.

Começando com as imagens originais e inalteradas, Geiser nos revela suas manipulações cinematográficas: reenquadrando, mergulhando, invertendo e fundindo as imagens fotográficas com outros traços materiais, incluindo flores e sombras. Os habitantes de Mandril deslocam-se através de sua tarde indescritível, gradualmente sucumbindo ao tempo ou se dissolvendo na paisagem, reservando para si mesmos o que não podemos saber.

Conversa Ilustrada

DATA E HORÁRIO: SEG 11/06 | 19H00

LOCAL: SHOPPING CRYSTAL (ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA) | Sala 1

ENTRADA GRATUITA / Os ingressos serão distribuídos na bilheteria 1 horas antes do início.