OVERNIGHT FILES_02_SITE

MOSCAS NOTURNAS

/ Overnight flies

Áustria, Suécia, 2016, 97’

Quando e Onde

  • 18:30 Cineplex (Sala 4)
  • 15:30 Itaú (Sala 1)

Num momento em que imigração parece um dos temas capitais para entender os dilemas da sociedade mundial, multiplicam-se as narrativas no cinema atual lidando com o tema. Poucas, porém, têm a coragem de apostar numa mistura tão justa entre um registro frontal e direto e uma capacidade de incorporar o imaginário e a poesia sem banalizar um tema duro e multifacetado. Com suas escolhas estéticas e narrativas, Georg Tiller nos lembra que, antes de tudo, a imigração é um dilema humano, e como tal tem a dimensão individual na base do que se torna uma questão social.

Direção

Georg Tiller

Georg Tiller nasceu em 1982 em Viena, Áustria. Após estudos interrompidos em filosofia e artes cênicas, estudou cinema, primeiramente com Harun Farocki na Academia de Belas Artes de Viena, seguido por direção e cinematografia com Michael Haneke e Christian Berger na Academia de Filmes de Viena e depois direção fílmica na Academia Germânica de Filme e Televisão de Berlim (DFFB). Desde cedo trabalha como artista e cineasta autônomo, e depois de um período como produtor de seus próprios filmes, além de filmes de colegas e amigos, inicialmente em um coletivo de artes Naivsuper. Seus filmes foram exibidos em inúmeros festivais de cinema ao redor do mundo, incluindo Berlinale e Festival de Rotterdam. Também teve seu trabalho na Bienal de São Paulo, no Centro Georges Pompidou e na Bienal Luleå Vinter, dentre vários outros lugares.

Créditos

Direção
Georg Tiller
Roteiro
Georg Tiller
Produção
Georg Tiller
Direção de Fotografia
Claudio Pfeifer
Edição
Viktor Hoffmann
Som
André Fèvre
Elenco
Edward Weki, Jann Karlsson, Monique Islam Mäkinen
Empresa Produtora
Subobscura Films
Site Email

Festivais

  • Cork FF
  • Pan-African FF Cannes
  • Cameroon IFF

Comentários