Oficinas

As oficinas do Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba tem o intuito de expandir e aguçar os sentidos de seus participantes para as mais variadas facetas do cinema e proporcionar uma experiência a mais durante os dias do festival.

Confira os selecionados para as oficinas do #5olhardecinema em http://bit.ly/1Wpz6ke

Montagem

12 a 14 de junho das 10h às 13h30
Shopping Novo Batel (Teatro João Luiz Fiani)

A oficina de Montagem tem a proposta de, a partir da análise sobre os métodos, processos, referências e linguagens dos filmes montados por Karen Akerman, discutir sobre diferentes propostas de montagem, o papel do montador e sua relação com o diretor do filme.

Capacidade: 30 vagas

Karen Akerman

Karen Akerman atuou como montadora em mais de quarenta filmes, duas vezes premiada com o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. O seu trabalho foi exibido e premiado nos festivais de Toronto, Rotterdam, San Sebastian, Havana, Cinéma du Réel, Vision du Réel, Indie Lisboa, DocLisboa, Guadalajara, Uppsala, Locarno, Brasília, Rio, Janela do Recife, entre outros. Recentemente, montou os longas ‘Futuro junho’, de Maria Augusta Ramos, ‘O lobo atrás da porta’, de Fernando Coimbra, e ‘Aspirantes’, de Ives Rosenfeld.

Efeitos visuais: da pintura digital à animação 3D

10 a 12 de junho das 9h às 13h
Escola R.evolution (Av. Marechal Floriano, 228)

Ministrada pelos professores da Escola R.evolution, a oficina será uma introdução à várias técnicas da arte digital, envolvendo tanto o mundo 2D quanto o 3D. O objetivo da oficina é fazer com que os participantes compreendam as ferramentas utilizadas no mercado de entretenimento e conheçam algumas das técnicas mais utilizadas para animatics, retoque digital, criação de personagens, modelagem 3D e previz.

Capacidade: 12 vagas

Escola R.evolution

De desenho e pintura até modelagem 3D e escultura, através do computador a R.evolution faz tudo que sua imaginação é capaz de criar. A Escola de Artes Digitais R.evolution conta com os melhores professores do mercado que, dentro de sala de aula, dividem seus conhecimentos e experiências. Simples assim: a revolução vem de dentro. Não acreditamos em talento e sim em evolução diária.

Curadoria e Programação de Festivais

9 a 11 de junho das 10h às 13h30
Shopping Novo Batel (Teatro João Luiz Fiani)

A presente oficina tem como objetivo apresentar um panorama do cenário internacional de festivais de cinema e também introduzir os principais aspectos do trabalho de um programador de filmes. O objetivo da oficina é ainda fazer com que os participantes compreendam as ferramentas e táticas utilizadas no mercado de programação. Em linhas gerais, o caminho será sempre o de deixar que as questões derivem do que foi visto e ouvido. O foco do debate será pensar sobre o que mostrar, como mostrar, por que mostrar.

Necessário bom entendimento da língua inglesa.

Capacidade: 25 vagas

Gustavo Beck | mediador

Gustavo Beck é Programador do Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba, Brasil. Atua também como membro do Comitê de Seleção do Cinéma du Réel na França e do IndieLisboa em Portugal, além de ser Consultor para a América Latina do International Film Festival Rotterdam na Holanda.